29/08/2022 às 10h03min - Atualizada em 30/08/2022 às 00h07min

Ibovespa tem pequena alta apesar das perspectivas de aumento de juros no exterior

Nesta segunda-feira, o principal índice da bolsa de valores de São Paulo subiu 0,02%, a 112.323 pontos.

G1
https://g1.globo.com/economia/noticia/2022/08/29/ibovespa.ghtml
Nesta segunda-feira, o principal índice da bolsa de valores de São Paulo subiu 0,02%, a 112.323 pontos. O Ibovespa, principal índice da bolsa de valores de São Paulo, a B3, iniciou a semana perto da estabilidade nesta segunda-feira (29), diante da cautela internacional após autoridades de grandes bancos centrais terem indicado manutenção de uma postura rígida em seu combate à inflação.
O índice teve alta de 0,02%, a 112.323 pontos. Veja mais cotações.
Na sexta-feira, a bolsa fechou em queda de 1,09%, a 112.299 pontos. Com o resultado de hoje, acumulou alta de 8,88% no mês, e de 7,16% no ano.

Juros do crédito rotativo chegam a 370,4%, maior taxa desde agosto de 2017
O que está mexendo com os mercados?
No exterior, a semana começa por cautela após autoridades de grandes bancos centrais terem indicado que devem manter juros em alta para combater a inflação — o que prejudica o crescimento da economia global e pode derrubar as cotações das moedas de países em desenvolvimento.
Ainda são efeitos do fórum anual do Federal Reserve, em Jackson Hole. O presidente Jerome Powell disse que a economia norte-americana precisará de uma política monetária apertada "por algum tempo" antes que a inflação esteja sob controle.
Ele acrescentou que os custos "infelizes" para se reduzir a inflação incluem crescimento mais lento, mercado de trabalho mais fraco e "alguma dor" para famílias e empresas, mas alertou que "o histórico adverte fortemente contra o afrouxamento prematuro da política monetária."
Por aqui, o boletim Focus, divulgado pelo Banco Central, mostrou que os economistas do mercado financeiro reduziram de 6,82% para 6,7% a estimativa de inflação para este ano.
Para o PIB, a expectativa é de uma alta de 2,10% em 2022, contra 2,02% previsto anteriormente. Já para 2023, a previsão de alta recuou de 0,39% para 0,37%. A semana prevê ainda a divulgação dos dados do Produto Interno Bruto (PIB) do segundo trimestre, quando é esperado novo resultado positivo.
Mais cedo, a Fundação Getulio Vargas (FGV) mostrou que a confiança da indústria subiu em agosto, recuperando parte das perdas do mês anterior. O indicador passou de 99,5 para 100,3 pontos, ultrapassando a barreira dos 100 pontos, que separa o pessimismo do otimismo.
Por fim, a economia brasileira criou 218,9 mil empregos com carteira assinada em julho deste ano, informou nesta segunda-feira (29) o Ministério do Trabalho e da Previdência Social.
O resultado representa piora em relação a julho do ano passado, quando foram criados 306,5 mil empregos formais. Já em julho de 2020, em meio ao isolamento da primeira onda da Covid-19, foram abertos 108,4 mil empregos com carteira assinada.
De acordo com o Ministério do Trabalho, 1,56 milhão de vagas formais de emprego foram criadas no país entre janeiro e julho.
"O Ibovespa chegou a bater novamente região dos 113 mil pontos terminando o dia no positivo, puxado pela alta de empresas de peso no índice como a Petrobras, ajudada pela alta do preço do petróleo e a recuperação de outras commodities, como agrícolas e metálicas", diz Álvaro Feris, especialista da Rico Investimentos.

Fonte: https://g1.globo.com/economia/noticia/2022/08/29/ibovespa.ghtml


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Ab Noticias  News Publicidade 1200x90
Mande sua denuncia, vídeo, foto
Atendimento
Mande sua denuncia, vídeo, foto, pra registrar sua denuncia