29/08/2022 às 18h04min - Atualizada em 30/08/2022 às 00h06min

Ex-deputado ucraniano que passou para o lado russo morre em atentado, diz Moscou

Alexey Kovalev, de 33 anos, apoiava o presidente Zelensky no Parlamento ucraniano. Contudo, após a ofensiva russa, no fim de fevereiro, e a conquista da região de Kherson, ele passou a integrar a administração de ocupação.

G1
https://g1.globo.com/mundo/ucrania-russia/noticia/2022/08/29/ex-deputado-ucraniano-que-passou-para-o-lado-russo-morre-em-atentado-diz-moscou.ghtml

Alexey Kovalev, de 33 anos, apoiava o presidente Zelensky no Parlamento ucraniano. Contudo, após a ofensiva russa, no fim de fevereiro, e a conquista da região de Kherson, ele passou a integrar a administração de ocupação. Veículo blindado com escritas pró-Rússia passa ao lado de idosa na cidade de Kherson
Alexander Ermochenko/REUTERS
Alexey Kovalev, um ex-deputado ucraniano que chegou a ser vinculado ao grupo parlamentar do presidente Volodymyr Zelensky, mas que passou para o lado das forças de ocupação russas na província de Kherson, foi assassinado a tiros, informaram investigadores russos nesta segunda-feira (29).

O anúncio foi feito pelo Comitê de Investigação da Rússia, em sua conta no aplicativo Telegram. Kovalev, que era vice-chefe da administração militar e civil da província de Kherson e encarregado de questões agrícolas, morreu após ser ferido por disparos.
"O ataque foi cometido em sua residência em 28 de agosto. Uma jovem que vivia com o falecido também foi vítima", afirmou o comitê, que se encarrega dos assuntos criminais na Rússia, sem dar mais detalhes.
Leia também
Ucrânia anuncia contraofensiva no sul do país, dominado pela Rússia, e já dispara foguetes contra cidade
Soldados ucranianos deixam siderúrgica em Mariupol
Quem era Kovalev
Alexey Kovalev, de 33 anos, foi eleito deputado pela província de Kherson em 2019 e apoiava o presidente Zelensky no Parlamento ucraniano.
Contudo, após a ofensiva russa, no fim de fevereiro, e a conquista da região de Kherson, Kovalev passou a integrar a administração de ocupação. No fim de junho, ele tinha sido alvo de outra tentativa de assassinato, mas sobreviveu.
Avanço da Rússia
A maior parte da província de Kherson e uma parte da de Zaporizhzhia foram tomadas pelas forças do Kremlin, que tenta implantar uma política de "russificação" nesses locais, visando uma anexação.
Os russos introduziram o rublo como moeda corrente na região e incentivam os moradores a solicitarem passaportes russos.
Nos últimos meses, diversos funcionários nomeados pelos russos nos territórios ucranianos conquistados por Moscou foram feridos ou morreram em atentados.
Veja os vídeos mais assistidos do g1

Fonte: https://g1.globo.com/mundo/ucrania-russia/noticia/2022/08/29/ex-deputado-ucraniano-que-passou-para-o-lado-russo-morre-em-atentado-diz-moscou.ghtml


Link
Notícias Relacionadas »
Ab Noticias  News Publicidade 1200x90
Mande sua denuncia, vídeo, foto
Atendimento
Mande sua denuncia, vídeo, foto, pra registrar sua denuncia