28/07/2022 às 10h11min - Atualizada em 29/07/2022 às 00h05min

Ibovespa fecha em nova alta após queda do PIB dos EUA

Nesta quinta-feira, o principal índice da bolsa de valores subiu 1,14%, a 102.597 pontos.

G1
https://g1.globo.com/economia/noticia/2022/07/28/ibovespa.ghtml

Nesta quinta-feira, o principal índice da bolsa de valores subiu 1,14%, a 102.597 pontos. Imagem ilustrativa sobre a alta do dólar e o mercado de ações na Bolsa de Valores de São Paulo (B3).
KEVIN DAVID/A7 PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO
"Destaque na leitura para energia elétrica e alimentação no domicílio abaixo do esperado. Na outra direção, componentes do grupo de serviços, aluguel e empregado doméstico, vieram acima da nossa estimativa. Dentro do grupo de industriais subjacente, também destacamos roupas e calçados acima da nossa projeção", erelatório do Itaú Unibanco.

O Ibovespa, principal índice da bolsa de valores de São Paulo, a B3, fechou em alta nesta quinta-feira (28), acompanhando a melhora dos mercados nos Estados Unidos, depois do resultado do PIB do país.
O índice subiu 1,14%, a 102.597 pontos. Veja mais cotações.
Na véspera, o índice subiu 1,67%, a 101.438 pontos. Com o resultado de hoje, a bolsa acumula alta de 3,71% na semana e de 4,11% no mês, mas tem perda de 2,12% no ano.
Padovani: ‘Sinalização do Banco Central é subir juros em agosto e manter esses juros por um bom período’
O que está mexendo com os mercados?
O Produto Interno Bruto (PIB) dos Estados Unidos recuou 0,9% no segundo trimestre. Foi o segundo trimestre seguido de baixa: no primeiro trimestre, a economia do país teve uma queda também anualizada de 1,6%, na primeira retração desde a recessão do início da pandemia, há dois anos. No 4º trimestre de 2021, a economia dos EUA cresceu a um ritmo robusto de 6,9%.
Os mercados avaliam ainda a decisão de política monetária do Federal Reserve (BC dos EUA). O Fed voltou a aumentar a taxa de juros do país em 0,75 ponto percentual, para uma faixa de 2,25% a 2,5%
Segundo o presidente do Fed, Jerome Powell, a entidade não acredita que os EUA estejam em recessão, apontando o mercado de trabalho como fonte de força. "São 2,7 milhões de pessoas contratadas no primeiro semestre do ano -- não faz sentido que a economia esteja em recessão", disse Powell.
Com o aumento de 0,75 ponto percentual, o Fed manteve o ritmo de alta dos juros da reunião de junho, que já havia sido o maior aumento desde 1994. No comunicado depois da reunião desta quarta, o Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês) indicou que deve continuar elevando a taxa nos próximos encontros.
Taxas de juros mais elevadas nos Estados Unidos tendem a reforçar o fluxo de dólares para aquele país, fazendo a cotação da moeda subir em relação ao real.
Permanecem no radar de investidores temores sobre a credibilidade do Brasil, que foi abalada recentemente por uma emenda constitucional que amplia e cria uma série de benefícios sociais, prevendo despesas fora do teto de gastos a apenas alguns meses das eleições presidenciais.
Na agenda de indicadores, a economia brasileira criou 277,9 mil empregos com carteira assinada em junho deste ano, informou nesta quinta-feira (28) o Ministério do Trabalho e da Previdência Social.
De acordo com o Ministério do Trabalho, 1,33 milhão de vagas formais de emprego foram criadas no país entre janeiro e junho. O número representa recuo na comparação com o mesmo período de 2021, quando foram criadas 1,48 milhão de vagas.
Já o Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M) ficou em 0,21% em julho, após ter registrado alta de 0,59% em junho, informou nesta quinta-feira (28) a Fundação Getulio Vargas (FGV). É a menor taxa desde novembro de 2021.
Com o resultado, o índice passou a acumular alta de 8,39% no ano e de 10,08% em 12 meses, contra 10,70% em 12 meses até junho, se mantendo abaixo do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15) – considerado uma prévia da inflação oficial do país.
Em julho de 2021, o índice havia subido 0,78% e acumulava alta de 33,83% em 12 meses.
Por fim, a Petrobras informou que aprovou o pagamento de distribuição de dividendos. De acordo com a companhia, serão pagos R$ 6,732003 por ação preferencial e ordinária em circulação, somando R$ 87,8 bilhões – um recorde trimestral.
Desse valor, R$ 32,1 bilhões serão pagos à União (incluindo BNDES e BNDESPar).
O pagamento de dividendos será feito em duas parcelas, segundo a estatal, com valores iguais nos meses de agostos e setembro. A primeira parcela será paga em 31 de agosto. O depósito da segunda parcela será realizado em 20 de setembro.

Fonte: https://g1.globo.com/economia/noticia/2022/07/28/ibovespa.ghtml


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Mande sua denuncia, vídeo, foto
Atendimento
Mande sua denuncia, vídeo, foto, pra registrar sua denuncia