23/05/2022 às 18h34min - Atualizada em 23/05/2022 às 18h34min

Para contornar crise, Bolsonaro telefona e faz Valdemar pedir desculpas a Datena

AB Notícias News
Bahia.ba
Isac Nóbrega/PR
Na sexta-feira (20), durante um almoço com empresários do grupo Esfera Brasil, em São Paulo, o presidente do PL, Valdemar Costa Neto, afirmou que o apresentador José Luiz Datena (PSC-SP) tinha “coisa no passado”. E disse achar difícil que ele saia mesmo candidato a senador.
Irritado, Datena respondeu logo em seguida, afirmando que Costa Neto “saiu da cadeia outro dia”. O dirigente do PL foi condenado e preso no escândalo do mensalão.
Para tentar contornar a crise instaurada e evitar que o apresentador se retire da disputa eleitoral, o presidente Jair Bolsonaro (PL) telefonou no sábado (21) para Datena. Ele estava ao lado de Valdemar Costa Neto.
De acordo com a colunista Mônica Bergamo, da Folha de São Paulo, os três se falaram por vídeo, e Costa Neto se desculpou com Datena por afirmações críticas que fez sobre ele para o grupo de empresários.
Na conversa com Datena no sábado, o presidente Bolsonaro afirmou que “o cargo [de senador] é seu. Eu já disse para esses caras [lideranças do Republicanos e do PL] que você ganha a eleição. A decisão é sua, você define se quer ou não [ser candidato]”.
Ele sempre afirma a Datena que a política eleitoral exige “estômago de avestruz” para suportar críticas e eventuais traições.
Nesta segunda-feira (23), Tarcísio de Freitas também fez um movimento em direção ao apresentador. E desmentiu informações de que teria o “plano B” de lançar o empresário Paulo Skaf ao Senado no lugar dele.
Disse que o candidato ao Senado é Datena, que Skaf já sabe disso e que o apresentador é o candidato não apenas dele, Tarcísio, mas também do presidente da República.
Apesar de irritado, Datena segue candidato.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Ab Noticias  News Publicidade 1200x90
Mande sua denuncia, vídeo, foto
Atendimento
Mande sua denuncia, vídeo, foto, pra registrar sua denuncia