14/01/2022 às 13h03min - Atualizada em 14/01/2022 às 13h03min

Covid-19: vacinação em crianças começa hoje, anuncia Bruno

Segundo o prefeito Bruno Reis, a capital baiana receberá cerca de 16 mil doses

AB NOTICIAS NEWS
Tribuna da Bahia
Divulgação

Com a inclusão de crianças entre 5 a 11 anos no Plano Nacional de Vacinação contra a Covid-19, Salvador pretende iniciar as aplicações dos imunizantes para o público infantil ainda hoje (14), após a chegada das vacinas enviadas pelo Ministério da Saúde com o desembarque previsto por volta de 01h20 da manhã.

Segundo o prefeito Bruno Reis, a capital baiana receberá cerca de 16 mil doses, onde se torna insuficiente para uma vacinação em massa neste público.

“A previsão é que amanhã (hoje) à tarde iniciaremos a vacinação pelas organizações sociais que trabalham com crianças com deficiência, e no sábado (15) vamos abrir para todas as crianças com 11 anos. Infelizmente só estão chegando 16 mil doses e temos um universo de poucos mais de 20 mil crianças com 11 anos em Salvador”, disse o prefeito.

De acordo com a Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), serão 75 mil doses recebidas nesta primeira remessa para todo o estado, o que corresponde a apenas 5% do total de doses necessárias para imunizar o público-alvo baiano, estimado em cerca de 1,5 milhão, com a primeira dose.

O planejamento é que as doses comecem a ser enviadas para os municípios após a emissão do parecer do INCQS/Fiocruz (Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde), previsto para ser divulgado às 14h, e conclusão da reunião da Comissão Intergestores Bipartite (CIB), programada para acontecer na manhã de hoje.

Recadastramento

No início deste mês, a prefeitura de Salvador comunicou que as crianças deveriam ser recadastradas no Sistema Único de Saúde (SUS), para ter acesso a primeira dose da vacina contra a Covid-19. Aqueles que já realizaram o recadastramento serão automaticamente incluídos na lista de habilitadas para vacinação.

“Os pais e/ou responsáveis podem procurar as nossas unidades de saúde, ou fazer o recadastramento através do site da secretaria municipal de saúde. Tivemos um aumento de 10 mil crianças que já realizaram o recadastro, somados 150 mil crianças já cadastradas por ordem de idade, a nossa ideia é iniciar pelas crianças com 11 anos que gera em torno de 24 mil somente nessa faixa etária e assim escalonar a cada dia”, destacou Decio Martins, subsecretário de saúde do município.

Caso as crianças não possuam o Cartão SUS de Salvador ou têm o cadastro vinculado a algum outro município, o pai ou responsável devem se dirigir a qualquer uma das unidades da prefeitura-bairro para obter o documento ou fazer a transferência de domicílio; o agendamento para o serviço deve ser feito através do site Hora Marcada.

Autorização

No ato da vacinação, os pais devem apresentar uma autorização expressa que pode ser emitida no site da secretaria; a medida se faz necessária após decisão do Ministério da Saúde.

“Nós temos por obrigação exigir essa autorização dos pais, disponibilizamos um modelo no site da prefeitura e também no da secretaria, onde os pais podem fazer a impressão e já levar preenchida. Solicitamos aos pais que disponibilizem um documento com foto, com a finalidade de comprovar o grau parentesco com a criança; caso não há possibilidade dos pais comparecerem com seus filhos, a pessoa que esteja acompanhando deve apresentar a autorização assinada pelo responsável mediante a um documento”, pontuou o subsecretário.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »