10/01/2022 às 22h20min - Atualizada em 10/01/2022 às 22h20min

Gleisi Hoffmann garante que Lula não fará “carta ao povo brasileiro” na campanha deste ano

As pessoas já conhecem o Lula. Não precisamos mais de um Palocci

AB NOTICIAS NEWS
BNews
Divulgação

Gleisi Hoffmann, Presidente do Partido dos Trabalhadores (PT), afirmou em entrevista ao jornal O Globo, que Lula não fará “carta ao povo brasileiro” durante a campanha à Presidência deste ano de 2022.

“Não tem necessidade de carta ao povo brasileiro, as pessoas já conhecem o Lula. Não precisamos mais de um Palocci”, afirmou Hoffmann, em referência a um documento publicado por Lula durante a campanha do petista à Presidência em 2002.

Em 2002, a candidatura de Lula gerou um burburinho no mercado e o partido resolveu publicar um documento que assegurava um compromisso de combate à inflação e o equilíbrio fiscal.

“A única coisa que não vamos fazer é quebrar contratos, como o Bolsonaro fez com os precatórios. O resto nós vamos fazer. E não tem mimimi do mercado. Um país que não tem dívida externa, que tem este mercado consumidor não pode ter o povo com fome e sem renda”, disse.

Gleisi defendeu a revogação da reforma trabalhista em vigor no Brasil desde 2017. Lula chegou a abordar o assunto nas redes sociais.

Ela também chegou a afirmar que um dos primeiros atos de um possível governo petista seria a derrubada do teto de gastos.

“O teto de gastos está desmoralizado e deve ser um dos primeiros a serem liquidados. Bolsonaro fez o orçamento de guerra e muitas outras coisas fora do teto aos olhos do mercado e agora querem exigir de nós respeito ao teto?”, argumentou.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »