03/12/2021 às 16h21min - Atualizada em 03/12/2021 às 16h21min

"EUA voltaram ao trabalho", diz Biden sobre queda do desemprego

AB NOTICIAS NEWS
Agência EFE
Reprodução
O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, comemorou nesta sexta-feira a queda da taxa de desemprego em novembro, para 4,2% (0,4 ponto percentual abaixo de outubro), e afirmou que o novo número mostra que "os EUA voltaram ao trabalho".

"A nossa economia é significativamente mais forte do que um ano atrás. A queda histórica na taxa de desemprego inclui enormes melhorias para os trabalhadores, que em muitos casos viram os seus salários aumentar", disse em entrevista coletiva na Casa Branca horas após o Departamento do Trabalho ter divulgado o relatório de novembro.

Biden também falou sobre a inflação, que em outubro subiu para 6,2%, mas disse que mesmo depois de descontados os seus efeitos, a família americana média tem hoje mais poder aquisitivo do que há um ano.

O mandatário também minimizou o medo no mercado de uma escassez de produtos durante o período natalino devido a problemas globais na cadeia de abastecimento, e garantiu que as prateleiras e vitrines das lojas estarão cheias nas próximas semanas.

A taxa de desemprego nos EUA caiu em novembro para 4,2%, pela primeira vez em quase dois anos abaixo da taxa registrada no início da pandemia em março de 2020 (4,4%), embora o ritmo de criação de emprego e de emprego continue decepcionante.

Existem atualmente 6,9 milhões de desempregados nos EUA, país com 331 milhões de pessoas.

O desemprego caiu 0,4 ponto percentual em relação a outubro e se aproxima cada vez mais dos 3,5% de fevereiro do ano passado, antes da pandemia.

No entanto, a criação de emprego ficou em 210 mil novos postos de trabalho, enquanto as previsões da maioria dos analistas estimava mais de 500 mil. 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »