23/11/2021 às 18h57min - Atualizada em 23/11/2021 às 18h57min

Queiroz diz que seria morto como 'queima de arquivo' para culpar Bolsonaro

AB NOTICIAS NEWS
Yahoo Noticias
Reprodução

Ex-assessor e acusado de ser operador de um esquema de rachadinha do agora senador Flávio Bolsonaro (Patriota-RJ), Fabrício Queiroz afirmou que havia um plano para assassiná-lo como "queima de arquivo" na tentativa de incriminar o presidente Jair Bolsonaro. 

“Eu ia ser queima de arquivo, para cair na conta do presidente, como aconteceu com o capitão Adriano”, disse Fabrício Queiroz, em trecho de uma entrevista exclusiva ao SBT News. 
 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »