23/11/2021 às 15h29min - Atualizada em 23/11/2021 às 15h29min

Essa é a maior honra que um servo pode ter

Acompanhe a mensagem do Bispo Júlio Freitas a todos os Obreiros e Colaboradores

AB NOTICIAS NEWS
Universal
Divulgação

Se tem algo que é extremamente difícil para o ser humano fazer é o ato de se humilhar. Muitos pensam que não é necessário ou que é ultrajante demais, porém se esquecem do quanto se humilharam para outras situações da vida, sem ao menos perceber. 

Trazendo a reflexão sobre o valor inestimável de se humilhar diante de Deus, o Bispo Júlio Freitas – em meditação voltada para todos os Obreiros e Colaboradores da Obra de Deus – ensinou sobre os benefícios da humilhação sincera. De acordo com o que está escrito na Palavra de Deus:

“Humilhai-vos, pois, debaixo da potente mão de Deus, para que a seu tempo vos exalte. Lançando sobre Ele toda a vossa ansiedade, porque Ele tem cuidado de vós.” I Pedro 5.6-7

O Bispo exemplificou que muitos se humilham para familiares, governantes, para uma paixão, uma fantasia e até diante de uma fraqueza. Porém, essas mesmas pessoas, inclusive as que afirmam ser de Deus, se recusam a se humilhar perante o Altíssimo.

“É vergonhoso! Porque quando nos humilhamos para Deus, Deus não nos humilha; Ele nos exalta, conforme está  escrito”, destacou ele.

A falsa sensação de ser suficiente

Por outro lado, quando existe o sentimento de orgulho, exaltação e a falsa sensação de que não precisa se submeter e se humilhar ao Senhor Jesus, a pessoa fica sujeita a ser humilhada por qualquer um. E seguindo para algo pior ainda, que é pelo seu orgulho e a soberba, perder a salvação. 

“Quando não há a humilhação da minha parte, então, é porque no meu íntimo a ansiedade, os desejos e os planos pessoais me enganaram, fazendo eu pensar que não preciso ou o que já sei é suficiente, e isso é perigosíssimo, [pois] coloca em risco a minha comunhão com Deus”, alertou o Bispo.

Daí a importância de sempre reconhecermos a nossa dependência de Deus e de forma constante nos humilharmos perante a Sua vontade, para, assim, podermos ser guiados e usados por Ele. Pois essa é a maior honra que um servo de Deus pode ter.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »