05/10/2021 às 19h33min - Atualizada em 13/10/2021 às 00h01min

Instituto de Engenharia realiza simpósio internacional sobre inovação e sustentabilidade na Amazônia

O evento abordará também a 'Revolução ESG - Sustentabilidade pela Engenharia e Tecnologia'; dentre vários painéis e debates previstos

SALA DA NOTÍCIA Fernando Martins
Bruno Cecim/Ag.Pará
O Instituto de Engenharia (IE) sedia nos dias 26, 27 e 28 de outubro o 'Simpósio Internacional: Uma Amazônia Inovadora e Sustentável (SIPAIS)'. O evento será realizado de modo online, respeitando as normas de prevenção à covid-19.

Vários painéis e debates estão previstos para ocorrer. Nessa programação, o evento do IE tem como objetivo sensibilizar sobre a importância de uma cooperação internacional, dos mais diversos ecossistemas, para desenvolver e escalar ações sinérgicas e sustentáveis com países da Amazônia. Desse modo, promover a verdadeira revolução ESG através da engenharia.

Logo na abertura, no dia 26, terá a participação do general Hamilton Mourão, vice-presidente da República e presidente do Conselho Nacional da Amazônia Legal.

Estarão também presentes o senador Nelson Trad, presidente do Parlamento Amazônico, Alexandra Moreira López, secretária-geral da Organização do Tratado de Cooperação da Amazônia (OTCA), almirante Alípio Jorge do Comando da Marinha do Brasil, e representantes das embaixadas de países que compõem o bioma da região amazônica.

Objetivos
O simpósio também buscará promoverá iniciativas e projetos nas áreas de infraestrutura, energia e logística, educação e pesquisa, com foco no crescimento econômico sustentável da região amazônica.

Os debates devem trazer oportunidades do uso de fontes públicas e privadas para o financiamento da infraestrutura, mensuração do ESG, bem como motivações sociais em segurança, qualidade de vida, o ecossistema econômico, industrial e tecnológico, segurança jurídica e operacional de empreendimentos naquela região.

Por isso, dentre os convidados a participar das discussões estão representantes de governos, entidades internacionais, empresas, academias, centros de pesquisa, ONGs, engenheiros e profissionais ligados às questões de inovação e sustentabilidade.

Propostas reais
Ao final, o SIPAIS consolidará uma síntese, sugestões e transcrição dos painéis realizados nos três dias de simpósio do Instituto de Engenharia e as contribuições voltadas para um desenvolvimento sustentável da Amazônia.

O resultado desse trabalho será encaminhado ao Conselho da Amazônia Legal, ao Parlamento Amazônico, à OTCA, autoridades, embaixadas, setor financeiro e para toda a sociedade civil.

Como se inscrever?
A inscrição ao SIPAIS será feita no site do Instituto de Engenharia (www.institutodeengenharia.org.br/SIPAIS). O inscrito receberá um link em seu e-mail e terá acesso às transmissões por plataforma eletrônica webinar.

Confira a programação
26 de outubro

13h30 - ABERTURA
15h30 - PROJETO AMAZÔNIA E BIOECONOMIA SUSTENTADA
EM CT&I
16h15 - INCLUSÃO GEODIGITAL DA GESTÃO PRODUTIVA - PRÁTICAS ESG COM TECNOLOGIA APLICADA
18h - OPORTUNIDADES PARA A MELHORIA DA INFRAESTRUTURA EM SEGURANÇA, LOGÍSTICA, ENERGIA E TELECOMUNICAÇÕES

27 de outubro
13h30 - COMUNIDADE INTEGRADA E PARTICIPATIVA - COOPERATIVA E AGROPECUÁRIA FAMILIAR
16h - EDUCAÇÃO, PESQUISA APLICADA E DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO - INTERCÂMBIO E POTENCIAL DA SOCIEDADE AMAZÔNICA
18h - DESENVOLVIMENTO SOCIAL, ECONÔMICO, TURÍSTICO E CULTURAL

28 de outubro
9h30 - ECOSSISTEMA REVOLUÇÃO ESG
13h30 - DESAFIOS DA LOGÍSTICA PARA O DESENVOLVIMENTO DA BIOECONOMIA E DA BIOENGENHARIA NA AMAZÔNIA
16h - ESTABELECIMENTO DE CRITÉRIOS AMBIENTAIS, SOCIAIS E DE GERENCIAMENTO PARA UMA AMAZÔNIA SUSTENTÁVEL
18h - BACIA AMAZÔNICA COMO UM VETOR DE INTEGRAÇÃO ECONÔMICA

29 de novembro
17h - ENTREGA DO CADERNO DE CONCLUSÃO DOS PAINÉIS DEBATIDOS COM AS OPORTUNIDADES DE AÇÕES PARA A AMAZÔNIA

Sobre o Instituto de Engenharia
O Instituto de Engenharia (IE) é uma sociedade civil sem fins lucrativos. Em outubro completa 105 anos de tradição, credibilidade e comprometimento com o desenvolvimento do Brasil.

O IE realiza estudos e debates temáticos para direcionar o desenvolvimento do país em áreas estratégicas como energia, mobilidade, logística, infraestrutura, tecnologia e agronegócios.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »