05/07/2018 às 09h55min - Atualizada em 05/07/2018 às 09h55min

Embraer e Boeing anunciam acordo e americana terá 80% da nova empresa

Companhias assinaram memorando de entendimentos para acelerar crescimento em mercado global

Agência O Globo -
Agência O Globo -

CHICAGO E SÃO PAULO - Após meses de expectativa, a Embraer e a Boeing anunciaram nesta quinta-feira que fecharam um acordo que prevê que a americana terá 80% da nova empresa e a brasileira, os outros 20%.

As duas companhias assinaram memorando de entendimentos para acelerar crescimento em mercado global.

Em dezembro, a Boeing apresentou uma proposta agressiva, que previa a aquisição de toda a Embraer, mas os termos foram rejeitados pelo governo brasileiro. Questões relacionadas a informações estratégicas dos projetos militares foram o principal ponto de objeção. Diante do impasse, a gigante americana fez, então, uma nova proposta em janeiro, deixando com a Embraer apenas a divisão de defesa, o que também não foi aceito. Dessa vez, pesou o argumento da falta de sustentabilidade, uma vez que o segmento sobrevive graças ao orçamento público, cada vez mais restrito.

A Boeing é a maior exportadora dos Estados Unidos, com um faturamento anual de mais de US$ 90 bilhões, enquanto a Embraer fatura US$ 6 bilhões. A parceria vai permitir à companhia brasileira maior acesso ao mercado internacional (venda de aeronaves, inclusive militares) e compra de insumos por um custo menor, além de preservar empregos no Brasil, disse um técnico da área econômica.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »