30/08/2021 às 17h02min - Atualizada em 30/08/2021 às 17h02min

Microsoft pode limitar atualizações do Windows 11 em PCs antigos

AB NOTICIAS NEWS
Tecmundo
Divulgação

Na última sexta-feira (27), a Microsoft esclareceu dúvidas acerca dos requerimentos do Windows 11, aliviando parte dos internautas. Na ocasião, a empresa confirmou que será possível instalar o vindouro sistema operacional em computadores mais antigos, desde que sejam utilizados métodos alternativos no processo. Contudo, ainda é possível que haja mais condições do que o previamente estabelecido pela Gigante de Redmond.

Segundo o site The Verge, a Microsoft avalia não distribuir atualizações do Windows 11 para computadores que receberam o sistema através de meios alternativos ao Windows Update, como as ISOs. Se confirmado, isto significa que novos patches de segurança e até mesmo drivers não serão recebidos automaticamente pelos dispositivos "divergentes", deixando o PC potencialmente vulnerável.

Embora a suposta decisão da Microsoft ainda possa se tratar de um risco real, é improvável que a empresa limitará atualizações para estes dispositivos no longo prazo — especialmente ao considerar seu histórico com o Windows 7. Como explica o The Verge, a medida pode ser entendida como uma proteção legal contra dispositivos operando com Windows 11 aquém dos requerimentos mínimos, ou seja, além da garantia de funcionamento oficial.

Usuários com processadores antigos podem ficar sem atualizações oficiais do Windows 11 através do Windows Update. (Fonte: Lenharth Systems, StockSnap / Reprodução)

Usuários com processadores antigos podem ficar sem atualizações oficiais do Windows 11 através do Windows Update. (Fonte: Lenharth Systems, StockSnap / Reprodução)

Todavia, isto não significa os usuários ficarão sem atualizações, já que ainda será possível obtê-las pelo diretório da Microsoft e instalá-las manualmente — como nos "velhos tempos". Caso o método seja inviável, a atual alternativa é a infame melhoria de hardware proposta pela empresa, que exige pelo menos um processador da 8ª Geração da Intel ou Ryzen 3, da AMD. É possível verificar todos os modelos compatíveis clicando aqui.

Posicionamento da Microsoft

Em um comunicado enviado ao TecMundo, a empresa não trouxe esclarecimentos sobre o assunto, mas disse que o Windows 10 segue recebendo atualizações até 2025. A companhia também ressaltou que os novos requisitos visam aprimorar a segurança do Windows 11.

Confira o comunicado na íntegra:

"Esses requisitos de sistema atualizados nos permitirão oferecer uma experiência do Windows de maior qualidade, mais segura e mais confiável para nossos clientes e atender às necessidades de um ecossistema diversificado e em constante evolução. Continuamos a fornecer opções aos nossos clientes do Windows para melhor atender às suas necessidades individuais, o que inclui nosso suporte do Windows 10 até 14 de outubro de 2025."


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »