27/08/2021 às 10h50min - Atualizada em 27/08/2021 às 11h10min

“Eu não tinha técnico e nem material para a competição”, diz Aída dos Santos, lenda do atletismo feminino, em entrevista ao Trace Trends

Em bate-papo que já está disponível no Globoplay e vai ao ar sexta (23) às 17h no Multishow, a lenda das Olimpíadas fala sobre sua trajetória no esporte

SALA DA NOTÍCIA Janaina Bernardino
(Aída dos Santos na gravação do Trace Trends. Foto: Reprodução)
 

Em clima de jogos Olímpicos, no episódio do Trace Trends que já está disponível no Globoplay e vai ao ar sexta (23), às 17h, no Multishow, Aída dos Santos lembrada como lenda do atletismo feminino, fala sobre sua trajetória e o ápice de sua carreira, que mesmo após 57 anos, ainda é uma das histórias mais inspiradoras das Olimpíadas. Em 1964, o quarto lugar da atleta no salto em altura nas Olimpíadas de Tóquio, foi o melhor resultado das mulheres brasileiras até Atlanta em 1996. Aída, também, foi a única mulher a integrar a delegação nacional naquela edição do evento.

 

Sem apoio financeiro e sem estruturas necessárias para a competição, Aída mostrou ser uma atleta de ponta e honrou o seu país de forma admirável. “Eu não tinha técnico e nem material para a competição, mas já que eu estava lá, procurei representar bem o meu país”, recorda.

A ex-atleta ainda ressalta o reconhecimento que teve após as olimpíadas daquele ano e a  importância de ter recebido uma bolsa de estudos para sua formação, devido ao seu bom desempenho no esporte. Contudo, uma das suas maiores lembranças afetivas de conquistas  foi quando recebeu o troféu ‘Adhemar Ferreira da Silva’, no Teatro Municipal. “Não tinha pessoas negras e nem atletas negros lá e, eu recebi esse troféu e fui super aplaudida. Todos aplaudiram de pé e foi muito emocionante”, conta.

 

O programa traz ainda o “Trace Papo” com o deputado David Miranda, “Afro Negócios” com recorte ao crescimento de sex shops e consultorias íntimas, as dicas e conselhos de Babu Santana no “Fala, Babu!”, Ad Junior falando sobre representatividade negra nos esportes e as novidades musicais com “Bafros” de Duquesa com Bivolt e Onnika, Clovis Pinho com Claudia Leitte, Ton Carfi com Dilsinho, MCs Don Juan e Hariel, Ruxell, Thiago Pantaleão e Villa e Linn da Quebrada.

 

Com  apresentação de Alberto Pereira Jr., Xan Ravelli, Ad Júnior, João Luiz Pedrosa e Babu Santana, a nova temporada do Trace Trends tem, a cada semana, um episódio inédito exibido às quartas-feiras no Globoplay e às sextas-feiras, às 17h, no Multishow.


 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »