30/06/2021 às 12h04min - Atualizada em 30/06/2021 às 12h04min

Financiamentos imobiliários com recursos do SBPE avançam 127% nos primeiros 5 meses do ano

AB NOTICIAS NEWS
Suno Notícias
Pixabay

Dados da Associação das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip) divulgados nesta terça-feira (29) mostram que os  financiamentos imobiliários com recursos das cadernetas do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE) atingiram R$ 77,38 bilhões nos primeiros cinco meses desse ano. O montante corresponde a uma alta de 127% na comparação ano a ano.

Já no acumulado de 12 meses, os dados mostram que o total de financiamentos imobiliários somou R$ 167,28 bilhões, o que corresponde a um aumento de 96,5% em relação ao período imediatamente anterior,

Além disso, a Abecip explica que o resultado acumulado neste ano, foi ajudado pelas cifras registradas em maio. No mês passado, os financiamentos imobiliários atingiram R$ 17,47 bilhões, maior volume nominal mensal registrado em um mês de maio na série histórica iniciada em 1994. O montante superou em 4,6% o reportado em abril e foi 144,9% maior na comparação anual.

Entre janeiro e maio de 2021 foram financiados, com recursos da poupança SBPE, 331,8 mil imóveis, 160,1% mais do que em igual período de 2020. Já nos últimos 12 meses, contando a partir de junho passado até maio deste ano, o total foi de 630,98 mil imóveis, alta de 98% ao do período precedente, que somou 318,61 mil unidades.

No mês passado, nas modalidades de aquisição e construção, ocorreu o financiamento de 73,2 mil imóveis. O resultado foi 4,3% maior que o de abril. Comparado a maio de 2020, observou-se alta de 194,6%.

Captação líquida da poupança 

No entanto, após desempenho positivo em abril (R$ 2,04 bilhões), a captação líquida da poupança SBPE voltou para o campo negativo em maio (-R$ 1,18 bilhão). Desconsiderando o ano passado, quando a poupança apresentou recordes de captação, historicamente o mês maio não apresenta desempenho expressivo, segundo a Abecip.

A associação destaca que a captação líquida negativa foi compensada pelo crédito de rendimentos, elevando em 0,05% o saldo da poupança SBPE, que registrou volume de R$ 782,5 bilhões. Em relação a maio do ano passado, observou-se crescimento de 9%.

Financiamentos imobiliários batem recorde no 1T21

Vale lembrar que depois de crescer 57,5% no ano passado – com R$ 124 bilhões liberados pelos bancos -, o volume de financiamentos imobiliários deu um salto de 113% no primeiro trimestre de 2021, na comparação com os três primeiros meses de 2020.

De acordo com os dados da Abecip, as operações de crédito imobiliário entre janeiro e março desse ano chegaram ao valor recorde de R$ 43,1 bilhões, com 187,6 mil unidades vendidas.

Em meio à forte demanda dos brasileiros pela casa própria ou por novos imóveis, o setor já projeta crescimento superior a 30% nos financiamentos imobiliários para este ano, ainda que a economia do país esteja sendo afetada pela segunda onda da pandemia de Covid-19.

Com informações do Estadão Conteúdo

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »