28/06/2019 às 14h40min - Atualizada em 28/06/2019 às 22h57min

Entenda a diferença entre filtração, desinfecção e tratamento da água

Todo tipo de tratamento da água tem por objetivo torná-la mais apropriada para uma série de circunstâncias que exigem equipamentos apropriados.

DINO
https://asstefil.com.br/


Várias são as soluções de tratamento e filtragem da água. A escolha de qual é a mais adequada, depende da necessidade do cliente, já que cada um deixará o produto preparado para diferentes usos. Os principais processos pelo qual a água passa são: filtração, desinfecção e tratamento da água. Na filtração, estão principalmente redução de impurezas, de gostos e odores. A desinfecção pode ser feita pelo processo químico ou de foto oxidação (ultravioleta) e por fim o tratamento da água envolve a osmose reversa, a desmineralização e ultrafiltração.

Para eliminar impurezas, o método de filtração mecânica é um dos mais utilizados, que nada mais é do que a separação de sólidos em suspensão por meio de poros calibrados, ou seja, uma barreira física que impede a passagem de partículas. A Asstefil , especialista em sistemas de filtragem e tratamento da água, explica que para o pré-tratamento de equipamentos, os filtros de sedimentos garantem uma eficiência mínima de 85% na retenção de partículas de um fluido. "Por isso, é muito importante que o elemento filtrante esteja adequado às condições de operação de cada segmento", afirma.

Já para a redução de gostos e odores, o cloro é o produto desinfetante mais usado no tratamento da água. "A maioria das empresas de abastecimento público adiciona este produto em água bruta, seja no formato de gás ou líquido, visando eliminar bactérias e outros microrganismos nocivos ao ser humano, de modo a prevenir doenças transmitidas pela água", explica a Asstefil, que alerta sobre os problemas que o cloro pode causar nos processos industriais e por isso a necessidade de retirá-lo.

Entre os métodos de desinfecção da água estão os processos químicos e a irradiação ultravioleta. "Este último método apresenta desafios e vantagens por não deixar resíduos químicos na água produzida. A tecnologia de ultravioleta hoje pode ser colocada em várias áreas, por isso é imprescindível que o equipamento esteja bem dimensionado às condições operacionais", conta a empresa. A desinfecção da água é um dos grandes desafios neste século, seja para consumo humano ou para uso industrial, e por isso, o auxílio de materiais adequados se faz necessário.

Quando o assunto é o tratamento da água, várias são as técnicas e uma das mais conhecidas é a osmose reversa, processo de separação de substâncias por meio de uma membrana que retém o soluto. É, portanto, um processo inverso ao que ocorre naturalmente durante a osmose, onde a água flui de um meio menos concentrado para outro mais concentrado. Outra possibilidade é a ultrafiltração (UF), um tipo de filtração por membrana em que a pressão hidrostática força um líquido contra uma membrana semipermeável.

Todo tipo de tratamento da água tem por objetivo torná-la mais apropriada para uma série de circunstâncias. Remover partículas, material orgânico natural, bactérias e outros microrganismos que podem causar indesejáveis cores e odores na água são algumas das intenções dos processos abordados. Lembrando que cada um deles exige um tipo de equipamento e profissionais capacitados para seu manuseio.



Website: https://asstefil.com.br/
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »