20/05/2021 às 11h10min - Atualizada em 20/05/2021 às 11h10min

Ações de capinação e roçagem já retiraram mais de 13 mil toneladas de resíduos

Ao todo, são 34 equipes que fazem as atividades nas avenidas, bairros, ruas e canteiros da cidade. Destas, 20 estão vinculadas a um roteiro fixo, de maneira cíclica.

AB NOTICIAS NEWS
TRIBUNA DA BAHIA
Fotos: Bruno Concha/Secom

A Prefeitura, por meio da Empresa de Limpeza Urbana de Salvador (Limpurb), realiza ações de roçagem e capinação de maneira rotineira na capital baiana. Somente nos últimos quatro meses foram contabilizadas cerca de 13,2 mil toneladas de resíduos orgânicos extraídos dos serviços.

Ao todo, são 34 equipes que fazem as atividades nas avenidas, bairros, ruas e canteiros da cidade. Destas, 20 estão vinculadas a um roteiro fixo, de maneira cíclica. A duração de execução de um roteiro é de cerca de 30 dias. As outras 12 equipes são diariamente distribuídas pela cidade para executar ações mais pontuais, rotineiras e emergenciais.

Além de manter a limpeza e higiene da cidade, os serviços de roçagem e capinação evitam o acúmulo de resíduos em avenidas e logradouros públicos. A iniciativa diminui o risco de alagamentos e transbordamento de canais, promovendo o escoamento de água.

“Sabemos que o período chuvoso influencia no rápido crescimento da vegetação, por isso, nossas equipes estão diariamente realizando os serviços de roçagem, capinação e sacheamento, garantindo a manutenção da limpeza da nossa cidade”, destaca o presidente da Limpurb, Omar Gordilho.

O gestor lembra ainda que as ações de roçagem podem evitar deslizamentos em encostas.  “A roçagem nas encostas, juntamente com a retirada do lixo acumulado, é importante, pois previne também os deslizamentos de terra, além de evitar pontos focais de água parada, proliferação de ratos, insetos e outras pragas”, concluiu.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »