29/01/2020 às 15h43min - Atualizada em 30/01/2020 às 18h42min

UPX amplia infraestrutura e conectividade para mitigar ataques cibernéticos

Empresa pioneira no desenvolvimento de soluções de cibersegurança expande rede de conexões para diversas regiões do país

DINO


Quando o assunto é segurança digital, é preciso estar de olho na evolução tecnológica e nas demandas de mercado e, principalmente, expandir a atuação em diferentes regiões para conseguir atender quem precisa com qualidade. É o que a UPX, especialista em soluções de monitoramento, identificação, tratamento e prevenção de incidentes e mitigação de ataques DDoS, está fazendo desde 2019.

A empresa está ampliando sua conectividade, principalmente no território nacional. Antes presente apenas no IX de São Paulo (Internet Exchange ou Ponto de Troca de Tráfego entre Sistemas Autônomos) e no data center privado da Equinix, em 2019 passou a atuar nos IX de Sergipe, Rio de Janeiro e Bahia. Neste início deste ano, a meta é expandir para os IX do Distrito Federal, Paraná, Ceará e Rio Grande do Sul.

Dessa forma, a empresa pode atender a Sistemas Autônomos nessas localidades, demanda crescente, aumentando a atuação do seu produto DDoS Defense (focado na mitigação de ataques DDoS) em quase todo o território nacional. Além disso, investiu em roteadores e elevou a capacidade dos links para melhorar o serviço de mitigação de ataques.

"Nosso foco de mercado é muito sensível, o que requer cuidado redobrado. As empresas que nos contratam precisam ter confiança no nosso trabalho e ter certeza de que somos os parceiros certos para ajudá-las em momentos de vulnerabilidade", explica Bruno Prado, CEO e presidente da UPX.

Por conta disso, a companhia aposta continuamente, não só em infraestrutura, mas também em iniciativas de atendimento ao cliente. Em 2019, por exemplo, inaugurou uma área de customer experience justamente para estreitar ainda mais o relacionamento com os parceiros e consolidar a imagem nesse segmento.

Criada em 2002, a UPX nasceu como fornecedora de serviços de streaming para transmissão audiovisual na web. Ao longo do tempo, tornou-se pioneira do país no desenvolvimento de soluções para mitigação de ataques DDoS em nuvem no Brasil, após desenvolver uma solução para proteger a própria rede que passou a ser vendida para outras empresas do ramo. Hoje conta com 200 funcionários, incluindo diretos e indiretos.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »