27/05/2018 às 21h50min - Atualizada em 27/05/2018 às 21h50min

Greve dos caminhoneiros deixa 95% dos postos sem combustíveis na BA, diz sindicato; índice se repete em Salvador

Na quinta-feira (24), cerca de 70% dos postos da Bahia estavam sem combustíveis. Em Salvador, a escassez atingia 50% dos estabelecimentos.

G1 BA
Em trecho da BA-526, apenas uma faixa está liberada (Foto: Juliana Almirante/G1 Bahia)

ubiu para 95% o índice de postos sem combustíveis na Bahia nesta sexta-feira (25), segundo informações do Sindicato do Comércio de Combustíveis, Energias Alternativas e Lojas de Conveniência do Estado (Sindicombustíveis).

De acordo com a entidade, em Salvador e região metropolitana o percentual de 95% dos postos sem combustíveis se repete.

Na quinta-feira (24), cerca de 70% dos postos da Bahia estavam sem combustíveis. Na capital, a escassez atingia 50% dos estabelecimentos.

Segundo dados do Sindicombustíveis, o estado conta com 2, 8 mil postos. Deste total, 250 ficam em Salvador e região metropolitana.

 

Protestos na sexta-feira

 

 
Em trecho da BA-526, apenas uma faixa está liberada (Foto: Juliana Almirante/G1 Bahia)

Em trecho da BA-526, apenas uma faixa está liberada (Foto: Juliana Almirante/G1 Bahia)

Em trecho da BA-526, apenas uma faixa está liberada (Foto: Juliana Almirante/G1 Bahia)

Em trecho da BA-526, apenas uma faixa está liberada (Foto: Juliana Almirante/G1 Bahia)

Em trecho da BA-526, apenas uma faixa está liberada (Foto: Juliana Almirante/G1 Bahia)

Mesmo com proposta de acordo anunciada pelo governo federal, na última quinta-feira (24), protestos de caminhoneiros são registrados na Bahia, nesta sexta-feira, quinto dia de mobilização nacional da categoria contra a alta do diesel.

Na BR-324, há bloqueio parcial da via, nos dois sentidos, na altura do Km-541, trecho da cidade de Amélia Rodrigues. Os manifestantes ocupam o acostamento e uma faixa da pista. Apenas caminhões e carretas são parados. O trânsito flui com lentidão no local.

Na BA-526, conhecida como Cia-Aeroporto, na região metropolitana de Salvador, também há protesto de caminhoneiros, na altura do Km-12. Apenas caminhões e carretas são parados. O mesmo ocorre na BA-535, conhecida como Via parafuso, também na região metropolitana de Salvador. Na rodovia, a pontos de protesto no Km-12 e no Km-18.

 

Diversos pontos de protesto são registrados na BR-116, em várias cidades baianas. Todas operando da mesma forma: caminhões estacionados nos acostamentos e em postos de combustíveis próximos, e manifestantes impedindo a passagem de carretas e caminhões.

As manifestações na BR-116 são registradas no Km-459, na cidade de Santo Estevão; Km-517 e Km-521, em Itatim; Km-539, no município de Milagres; Km-672, na cidade de Jequié; Km-709, em Manoel Vitorino, Km-759, na cidade de Poções; Km-814, Km-817 e Km-835, em Vitória da Conquista.

 
Posto de gasolina localizado na Barra com fila (Foto: Juliana Almirante/ G1 BA)

Posto de gasolina localizado na Barra com fila (Foto: Juliana Almirante/ G1 BA)

Posto de gasolina localizado na Barra com fila (Foto: Juliana Almirante/ G1 BA)

Posto de gasolina localizado na Barra com fila (Foto: Juliana Almirante/ G1 BA)

Posto de gasolina localizado na Barra com fila (Foto: Juliana Almirante/ G1 BA)

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »