28/11/2019 às 17h27min - Atualizada em 28/11/2019 às 17h34min

O networking em eventos para a indústria do entretenimento

As redes de contato são imprescindíveis para uma carreira profissional de sucesso. E certamente, grande parte desse networking é feito em excelentes eventos direcionados às áreas onde se busca conhecimento. Uma área que está investindo muito nesse tipo de relacionamento é a indústria do entretenimento. O profissional precisa estar conectado com tudo para não perder nenhum momento.

DINO
http://www.escolazion.com


As redes de contato são imprescindíveis para uma carreira profissional de sucesso. E certamente, grande parte desse networking é feito em excelentes eventos direcionados às áreas onde se busca conhecimento.

Uma área que está investindo muito nesse tipo de relacionamento é a indústria do entretenimento. Sejam em feiras, workshops ou grandes eventos, o networking flui constantemente, o que agrega muito não só ao nome das grandes celebridades do setor que participa, como também das pessoas que desejam seguir profissionalmente nesse mercado.

Esse tipo de evento possibilita em um curto espaço de tempo, a troca de contatos entre diferentes profissionais. Ou seja, ele é a fórmula perfeita de estratégia, comunicação e iniciativa.

 

A postura profissional no evento

 

Os profissionais que participam de eventos com networking precisam ter em mente o que irão fazer de fato nesses locais, para se ter um aproveitamento maior de todas as ações propostas. Antes que o evento ocorra, o participante tem que saber quais serão as pessoas presentes relevantes para se ter um contato. Além disso, saber o momento exato de uma abordagem é fundamental para se obter sucesso com o networking.

O profissional precisa estar alinhado com a ideia de empreendimento, além de conhecer as novas tendências de mercado para não se sentir desconectado das abordagens propostas no evento. Por isso, ele precisa responder e fazer perguntas importantes para mostrar o grau de conhecimento do negócio.

É preciso agir o mais natural possível. Se o profissional se mostrar ansioso por algum contato, além de assustar, irá passar insegurança quanto à troca de informações. O networking é a consequência de um evento e não a peça principal dele. As pessoas ao agirem com sinceridade e simpatia ganham mais. Ninguém gosta de ser bajulado, ao contrário, evitam ao máximo profissionais que se comportam assim.

Trocar contatos e, ao final do evento, enviar um e-mail de agradecimento e informações adicionais, são atitudes esperadas de quem realmente aproveitou o evento. O networking funciona a partir de profissionais que estão dispostos a se conhecerem e se ajudarem mutuamente.

 

A diversão e o networking

 

Um setor que está em largo crescimento nacional é o de entretenimento. E grandes eventos têm sido criados para suprir a busca por informação a respeito do lado profissional da diversão.

Muitos jovens, que já nasceram envolvidos em toda evolução tecnológica, buscam atuar no mercado trabalhando com o que gostam. E ao se depararem com a possibilidade de criar games, editar e criar efeitos especiais para vídeo e manipular uma imagem, esses jovens buscam inspiração em grandes nomes do segmento.

Esses eventos possibilitam uma aproximação desse público com renomados profissionais do mercado. Além de conhecer mais sobre cada área especificamente, o adolescente têm a chance de saber como foi o início de carreira com altos e baixos, o que precisa fazer para se especializar, e principalmente, irá perceber se aquela profissão é compatível com os objetivos de trabalho.

Um evento que tem chamado atenção pela sua interação com os jovens e os grandes nomes do entretenimento que trazem é o Creative Week, produzido pela Escola ZION de entretenimento.

Direcionada ao ensino de profissões como designer gráfico, webdesigner, game designer, artista 3D e videomaker, a ZION sabendo dessa importante conexão do aluno com o mercado de trabalho, realiza pelo quinto ano consecutivo esse que é o maior evento de artes e criatividade do Rio de Janeiro.

Entre os profissionais, podemos destacar a presença de um dos maiores especialistas da Adobe, Alexandre Keese, que irá ministrar um workshop exclusivo sobre Photoshop, exclusivo para os alunos que viverão a experiência indescritível de participar do Creative Week.

No dia 1º de dezembro, irá acontecer no Cine Odeon um dia de imersão completa com grandes palestrantes nacionais que atuam dentro e fora do país. Eles foram escolhidos exatamente por possuírem experiências fantásticas e aprendizados exclusivos para esse segmento do mercado.

 

Quem são?

 

Marcelo Souza – look development / character modeling

Possui mais de 8 anos atuando como 3D modeling, texturing shaders, lighting e rendering. Trabalhou em empresas como: Rede Globo, Studio Nuts, Studio Prime e Expressão Colateral.

 

Raoni Nery – 3D artist / Look DEV e VFX

Com mais de 12 anos de atuação no mercado como generalista 3D na área de Efeitos Visuais e Imagens para Publicidade, em seu currículo encontramos o Prêmio de Entretenimento 2016 e 2017, que ganhou como Lead VFX na TV Globo, onde trabalha atualmente. Já atuou também como generalista de artista 3D na Labo Cine Digital e Seagulls Fly.

 

Erika Pinheiro – diretora de marca

Gerencia e participa da criação da identidade verbal e dos textos de comunicação para clientes da agência. Atualmente é gerente da equipe de Conteúdos da Ana Couto e possui trabalhos com grandes marcas como Minalba e Par Perfeito.

 

Hugo Rafael – partner executive officer

Sócio Diretor Executivo na agência Ana Couto, criou a área de design de serviços com foco de negócios na empresa. Lidera esse processo na Caixa Seguradora e possui uma cultura afinada com os princípios empregados. No currículo, encontramos a Senai como umas dessas grandes empresas. 

 

Rui Miranda – sound designer

Responsável por inúmeras produções cinematográficas como 2012, Transformers 1 e Iron Man 3, Rui atua no mercado como sound designer e audio supervisor. Já trabalhou com séries como The Walking Dead e compôs a trilha sonora do videogame Battlefield 4 e OverWatch. No currículo, vemos grandes empresas como Studio Warner Bros, DICE, e Globo.

 

Lisieux Calandro – VFX Artist

Possui 4 anos de experiência em Motion Design e 3 anos atuando no mercado como VFX Artist. Já trabalhou com efeitos especiais pela MPC em filmes como Nutcracker – O quebra-nozes, Predador e Aquaman. Atualmente, trabalhou na continuação de Malévola 2: Dona do Mal. 

 

O aproveitamento do evento

Os eventos de entretenimento normalmente trazem muitas atrações além do networking que gera. O profissional precisa estar conectado com tudo para não perder nenhum momento.

Desde as interações até o intervalo, é preciso aproveitar cada oportunidade que surge para se trocar um contato.

Se o profissional sair do evento sem ao menos ter conversado com alguém, algo está errado! O networking do evento funciona para que a pessoa saia da zona de conforto e conheça o universo profissional que o rodeia.

Por isso, em todos os eventos da ZION o aluno tem a possibilidade de conhecer grandes nomes do mercado do entretenimento e, inclusive, no Creative Week com o Meet and Greet, os 100 primeiros que adquiriram o passaporte VIP, poderão conhecer os palestrantes do dia 1º de dezembro.

Ao término do evento, o profissional precisa aprofundar essas oportunidades de contato, construindo relacionamentos através de e-mails e redes sociais. E como resultado, obterá mais conexões pertinentes à área que deseja seguir e grandes possibilidades profissionais no futuro.

   

 



Website: http://www.escolazion.com
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »