28/11/2019 às 12h23min - Atualizada em 28/11/2019 às 13h42min

Mercado de eventos e viagens corporativas se reinventa e impulsiona a economia

Os congressos e feiras aproximam profissionais de diferentes níveis e categorias do universo empresarial.

DINO
http://htpps://www.revistaecotour.news


Estudo mundial da Associação Internacional de Congressos e Convenções (ICCA) apontou o Brasil como o principal destino latino-americano para a realização de congressos e eventos corporativos. Congressos são grandes eventos que ocorrem em um período determinado. Normalmente, esse prazo gira em torno de uma semana, mas eles também podem ocorrer durante um período maior, eles englobam palestras, mesas redondas, simpósios e debates. Os eventos corporativos visam promover um produto ou serviço, mostrando suas características, para que os participantes possam efetuar melhor o seu trabalho.

Em todo mundo, o Brasil está entre os vinte destinos mais procurados pelos executivos para a realização de eventos destes tipos, ocupando a 17ª posição. "São Paulo, Rio de Janeiro e Foz do Iguaçu lideram a lista das cidades mais demandadas no Brasil", salienta Vininha F. Carvalho, editora da Revista Ecotour News & Negócios.

O Brasil apresenta grande potencial para a realização de vários tipos de eventos empresariais. Em 2018, até novembro, as viagens corporativas somaram R$ 67,3 bilhões. Este dado foi revelado na Pesquisa Conjuntural de Viagens Corporativas (PCVC).

Durante o primeiro semestre de 2019, as viagens a negócio no Brasil cresceram 14,7%, se comparado com o mesmo período do ano passado. Os dados são de um levantamento da Associação Brasileira das Agências de Viagens Corporativas (Abracorp), realizado com empresários do setor. O aumento no índice, consequentemente, gerou mais receita para o país. Entres os setores que mais apresentaram alta, de acordo com a pesquisa da Abracorp, estão o rodoviário, o de hotelaria e o de aviação, que cresceram 56,8%; 25,7% e 24,8%, respectivamente. Juntos, os três movimentaram mais de R$ 3,3 bilhões na economia do país. "As principais rotas responsáveis pelo crescimento no setor aéreo são localizadas nas pontes aéreas Rio/São Paulo e Brasília/São Paulo", ressalta Vininha F. Carvalho.

Todo ano, o mercado de eventos e viagens corporativas se reinventa e impulsiona a economia. Os congressos e feiras aproximam profissionais de diferentes níveis e categorias do universo empresarial e, cumprem um papel relevante de estimular a troca de conhecimento e proporciona o networking. Este ambiente é propício para novos negócios, uma vez que todos que estão no local visam ampliar o relacionamento e desenvolver novas oportunidades, na busca incessante de promover a inovação no seu segmento. "A correta inclusão da equipe num evento pode contribuir para criar um clima de trabalho que reflete para o sucesso da empresa, transformando a experiência numa conquista promissora para o mercado", conclui Vininha F. Carvalho.



Website: http://htpps://www.revistaecotour.news
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »