25/11/2019 às 17h45min - Atualizada em 25/11/2019 às 18h31min

Futuro da logística farmacêutica foi debatido no “8º Fórum da Cadeia Fria”

Uma das incertezas debatidas no “8º Fórum da Cadeia Fria” foi a RDC 304/2019, que envolve transporte, controle e monitoramento da temperatura na armazenagem e no deslocamento de medicamentos.

DINO
https://www.asgroup-portal.com/


O setor de logística farmacêutica do país enfrenta uma série de desafios, especialmente diante das novas medidas governamentais e regulatórias, que puderam ser explanadas e debatidas no "8º Fórum da Cadeia Fria", no último dia 19 no Cinesystem Morumbi Town, em São Paulo. Promovido pela Associação Nacional de Farmacêuticos Atuantes em Logística (Anfarlog), o evento reuniu autoridades, integrantes do governo e principais lideranças da indústria de medicamentos e da logística farmacêutica, entre eles Jackson Campos, Head de Pharma & Healthcare da maior integradora logística da América Latina, Asia Shipping (AS) .

Uma das incertezas debatidas no "8º Fórum da Cadeia Fria" foi a RDC 304/2019, que envolve transporte, controle e monitoramento da temperatura na armazenagem e no deslocamento de medicamentos. De acordo com a organização do evento, de um lado as mudanças exigem investimentos e a indústria tem dificuldades em assumir custos, sem repassá-los aos preços. De outro, a frota brasileira de veículos está defasada, faltam carrocerias refrigeradas entre 2ºC a 8ºC e wi-fi para monitoramento em inúmeras localidades do país. Além disso, a insegurança regulatória é constante.

A norma impõe maior monitoramento, controle de umidade e temperatura dos produtos transportados, o que exigirá um sistema de qualidade aprimorado. Segundo Saulo de Carvalho Júnior, presidente da Anfarlog, as empresas terão um árduo desafio daqui para a frente. Primeiro para interpretar corretamente o que a nova norma pede, gerir essas informações e implantar as determinações. E justamente para promover esse debate que a Associação realizou o "8º Fórum da Cadeia Fria".

Para Jackson Campos, foi um privilégio representar a Asia Shipping num evento tão significativo e poder tirar dúvidas com importantes representantes do setor sobre como é possível estabelecer uma cadeia fria segura no modal marítimo. "Foi importante entender como os órgãos anuentes irão fiscalizar o cumprimento da nova RDC 304/2019 e atestar que a AS está alinhada com a expectativa da indústria, sendo novamente pioneira no mercado farmacêutico como em todos segmentos em que atua", destaca Campos.

A Logistic Consultant da Asia Shipping, Amanda Rossi, também compareceu ao "8º Fórum da Cadeia Fria" e destaca ter sido um dia muito produtivo. "Conseguimos visualizar bem como será o mercado farmacêutico com as mudanças, o que irá impactar a Indústria e os Freight Forwards. Com essas informações, tenho certeza que vamos nos adequar à nova RDC, mostrando a excelência em nossos serviços", afirma Amanda que também reforça que um dos objetivos da AS é poder contribuir com o trabalho de Importadores e Exportadores de Pharma.

Fundada em 2009, a Anfarlog, organizadora do "8º Fórum da Cadeia Fria", reúne profissionais e empresas que compõem a Cadeia Logística Farmacêutica como prestadores de serviço, transportadores, operadores logísticos dentre outros. A entidade promove cursos, seminários, palestras e discussões por meio de seus grupos de trabalho.



Website: https://www.asgroup-portal.com/
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »