26/10/2022 às 16h34min - Atualizada em 28/10/2022 às 00h09min

Thomas Law apresenta o Projeto Ibrachina Challenge by IGLOO NETWORK e conhece novas tecnologias de Smart Cities na GITEX Dubai

Presidente do Ibrachina e fundador do Ibrawork, Thomas Law mostra iniciativa que oferece as startups novas possibilidades de aceleração e identifica novas tecnologias para a cidade de São Paulo

SALA DA NOTÍCIA Thomas Law

O presidente do Ibrachina e fundador do Ibrawork, Thomas Law, e Maurício Zanetti, CEO do IGLOO.NETWORK, apresentaram o projeto Ibrachina Challenge by IGLOO.NETWORK na GITEX Dubai. No palco principal da Fintech Surge, um dos eventos que ocorrem dentro da maior feira de tecnologia do mundo, eles relataram como a iniciativa oferece às startups a possibilidade de aceleração e internacionalização.

Durante sua participação, Thomas destacou a importância das startups e empresas apresentarem soluções tecnológicas relacionadas a projetos de cidades inteligentes, como a Smart City Council by Ibrachina. De modo geral, as tecnologias voltadas para o tema podem dar uma grande contribuição à sustentabilidade em metrópoles como São Paulo. “Nosso objetivo é levar o que há de melhor dentre as startups brasileiras para essa troca de experiência e oportunidade de internacionalização de negócios”, reforçou. 

Thomas também abriu oportunidades para que as startups presentes na GITEX apresentassem soluções de smart cities que possam ser aplicadas em São Paulo, recebendo contatos e realizando rodadas de reuniões no estande do Ibrachina Challenge by Igloo Network durante a feira.

No pavilhão do governo de Dubai, focado em iniciativas de smart cities – ou cidades inteligentes -, o executivo presenciou as medidas do governo municipal para vários cenários de uma administração pública focada no bem-estar da sua população, operando os mais modernos recursos tecnológicos disponíveis.  

Thomas também conheceu as soluções inovadoras e o programa de futuro de Dubai, que é uma referência, estando entre os principais planos do mundo para cidades inteligentes e sustentáveis. Law ressalta que a troca de experiências foi essencial para que o Ibrachina continue fomentando a implementação de cidades inteligentes, que visam melhorar a qualidade de vida da população. Para isso, é fundamental o uso da tecnologia, com o esforço integrado de políticas públicas, da iniciativa privada e da academia. 

“Recentemente foi publicado o relatório do McKinsey Smart Cities Institute, mostrando que o uso da tecnologia nas cidades é essencial para melhorar a qualidade de vida das pessoas. Essa melhoria é entre 10% e 30%, abrangendo áreas como segurança, mobilidade urbana, sustentabilidade, tratamento de resíduos e até uso de inteligência artificial. Essa é razão suficiente para implantarmos iniciativas de smart cities em nossas cidades”, afirma Law. 

Dentre as tendências apresentadas durante a feira, o presidente da Ibrachina menciona a palavra do ano: o metaverso. Por meio do mundo digital, o evento propõe uma educação avançada, que permite aos alunos experiências imersivas como visitas a museus ou locais históricos do mundo. Thomas compartilha, também, os novos modelos de negócios usando moedas digitais como criptomoedas e NFTs, por exemplo.   

"O governo de Dubai está apostando no uso de uma estratégia de blockchain focada em maior eficiência governamental, indústria criativa e liderança internacional”. O executivo ressalta a tecnologia como recurso primordial para o desenvolvimento da segurança pública, no qual “o monitoramento feito pela polícia de Dubai, utilizando dashboards e realidade virtual para registros de incidentes, aumenta a segurança da população”. 

O Instituto levou as startups vencedoras do Ibrachina Challenge by IGLOO.NETWORK e do programa de aceleração Esfera, do hub de inovação Ibrawork para a GITEX. Thomas Law destacou as soluções das startups brasileiras Tebe, Unidroid, Luming e Eco Panplas. 

“Tivemos contato com vários exemplos de projetos de ponta, que levaremos para o Brasil para análise do Ibrachina Smart City Council, visando a possibilidade de implantação para a  melhoria de vida nas cidades brasileiras”, finaliza Law. 

 

Sobre o Thomas Law 

Thomas Law é doutor em Direito Comercial pela PUC/SP, sócio-proprietário do escritório de advocacia que leva seu nome, presidente da Coordenação Nacional das Relações Brasil-China da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), do Instituto Sociocultural Brasil-China (Ibrachina) e fundador do hub de inovação Ibrawork, além de diretor do Centro de Estudos de Desenvolvimento Econômico e Social da Universidade de São Paulo (USP). 

O Ibrachina tem como finalidade promover a integração entre as culturas e os povos do Brasil, China e de países que falam a língua portuguesa. O Instituto atua em parceria com universidades, entidades e associações, além de fazer parte das Frentes Parlamentares Brasil/China, BRICS, criadas pela Câmara dos Deputados, e de Cooperação Política Cultural entre Brasil, Chia, Coreia e Japão, da Câmara Municipal de São Paulo. 

Já o Ibrawork é um centro de inovação com foco em smarts cities e oferece suporte para criação de incubadoras e programas de aceleração, promoção de hackathons, pesquisa e desenvolvimento, além da criação de startups. 

 

Sobre o Ibrachina  

Fundado em 2018 pelo Dr. Thomas Law, advogado, o Ibrachina é um Instituto sociocultural que tem como finalidade promover a integração entre as culturas e os povos do Brasil, China e de países que falam a língua portuguesa. 

O Ibrachina atua em parceria com universidades, entidades e associações, além de fazer parte das Frentes Parlamentares Brasil/China, BRICS, criadas pela Câmara dos Deputados, e de Cooperação Política Cultural entre Brasil, China, Coreia e Japão, da Câmara Municipal de São Paulo.  

 

Informações para a Imprensa: 

Agência Pub 

Graziela Cristina[email protected]- (11) 97302-4547 

Maria Eduarda Guelfi – [email protected] - (14) 98161-9595 


 

Ab Noticias  News Publicidade 790x90


Link
Notícias Relacionadas »
Ab Noticias  News Publicidade 1200x90
Mande sua denuncia, vídeo, foto
Atendimento
Mande sua denuncia, vídeo, foto, pra registrar sua denuncia