26/10/2022 às 13h33min - Atualizada em 28/10/2022 às 00h04min

Seu hálito está prejudicando sua vida profissional?

Para quem trabalha diretamente com pessoas, a halitose pode ser um grande problema a longo prazo

SALA DA NOTÍCIA Vero Lettera Comunicação
Lidar com o atendimento ao cliente ou mesmo realizar negociações frente a frente é muito difícil, um exercício de troca de confiança e construção de uma boa imagem para você e para a empresa que representa. Agora imagine tentar fazer tudo isso no dia a dia enquanto enfrenta a halitose, ou seja, o odor desagradável que pode vir da boca e/ou nariz!

Ao contrário do que muitos pensam, o mau cheiro pode ter diversas causas além de uma possível má higiene. “Alterações salivares, doenças periodontais, problemas renais ou de diabetes, ou mesmo uma autocobrança excessiva podem ser os motivos por trás desse problema”, explica a Dra. Cláudia C. Gobor, especialista pelo MEC no tratamento da halitose. Segundo ela, procurar remédios caseiros ou produtos sem orientação médica podem agravar o caso e levar a um quadro mais grave, quando não há o equilíbrio correto de bactérias na boca e a produção de enxofre (elemento que causa o mau cheiro) aumenta.


“Muitas vezes, o fato da pessoa ir para uma entrevista de emprego ou lidar com uma negociação difícil podem alterar a rotina, causando ansiedade e podendo levar a desequilíbrios relacionados à produção de saliva, baixa ingestão de líquidos, entre outros fatores”, explica Dra. Cláudia. Além da própria rotina corrida do trabalho que pode dificultar a regularidade da higiene bucal, levar à ingestão de alimentos menos saudáveis, diminuir a frequência da hidratação ou mesmo desregular a produção salivar a partir do stress, hábitos nocivos como roer unhas ou morder objetos, entre tantas outras causas.

O primeiro passo em direção a um tratamento correto da situação é a busca por um profissional da odontologia capacitado para lidar com esse quadro. “Quem visita o dentista regularmente se preocupa muito menos com tratamentos dolorosos, porque faz um acompanhamento constante, inclusive das mucosas, da saliva e de outros fatores que interferem na halitose”, afirma a profissional. A partir disso, seu sorriso vai virar seu melhor cartão de visitas e, além de um momento mais confortável e favorável para seus empreendimentos, você vai construir uma autoconfiança que te permita ir mais longe!

Serviço: Dra. Cláudia C. Gobor

Cirurgiã Dentista especialista pelo MEC no tratamento da Halitose

Ex-Presidente e atual Diretora Executiva da Associação Brasileira de Halitose 

(41) 3022-3131 | (41) 99977-7087

Instagram e Facebook: @bomhalitocuritiba

Site: www.bomhalitocuritiba.com.br


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Ab Noticias  News Publicidade 1200x90
Mande sua denuncia, vídeo, foto
Atendimento
Mande sua denuncia, vídeo, foto, pra registrar sua denuncia