19/10/2022 às 10h55min - Atualizada em 19/10/2022 às 14h01min

Worc se prepara para boom de empregos no setor de bares e restaurantes

Com retomada da economia, segmento de alimentação e bebidas deve criar 1 milhão de novas oportunidades

SALA DA NOTÍCIA Samantha di Khali Comunica
Divulgação
Com retomada da economia, segmento de alimentação e bebidas deve criar 1 milhão de novas oportunidades 

O setor de serviços foi um dos mais atingidos durante a pandemia, com fechamentos de estabelecimento e redução de pessoal. Dois anos e meio depois, o cenário é outro e a retomada econômica já é realidade. Segundo dados divulgados na plataforma do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), em média duzentas e setenta e oito mil vagas de trabalho com carteira assinada foram abertas no mês de agosto. O setor de serviços foi o responsável pela maioria das contratações, com a criação de 141.113 postos formais, seguido pela indústria geral, que abriu 52.760 vagas.


Dentro do setor de serviços, se destacaram os segmentos de alimentação, bares e restaurantes. Levantamento realizado pela Worc - plataforma de empregabilidade -, com base em dados internos, mostra que um total de aproximadamente 1 mil estabelecimentos  cadastrados na plataforma estão com vagas de emprego em aberto. A expectativa da startup é gerar mais de 1 milhão de oportunidades para os candidatos da sua comunidade, até o final do ano.

Alex Apter, CEO da Worc, afirma que o movimento deve ser ascendente no segmento, dando oportunidade para o surgimento de mais empregos formais ou temporários.

"Depois de dois anos com estabelecimentos fechando as portas, falta de funcionários e previsão de queda nas contratações, o setor de foodservice alavancou no cenário comercial, trazendo novas e boas perspectivas ao mercado de trabalho. Só na Worc, temos mais de 1.000 estabelecimentos cadastrados, com vagas de trabalho tanto formais como temporárias. As oportunidades variam entre bartender, sushiman e chef de cozinha, por exemplo", analisa o Ceo.

Com a perspectiva de crescimento no número de postos de trabalho e com a taxa de desemprego em queda e chegando a 9,3% no trimestre encerrado em julho, o impacto torna-se positivo para o segmento de bares e restaurantes, que agora espera mais movimentação financeira pelo país e, consequentemente, entrando no setor de alimentação.

Os números apresentados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostram, ainda, que o país registrou queda de 1.4 ponto percentual na taxa de desemprego, na comparação com o trimestre anterior, sendo a menor verificada desde 2015. Ao todo, no mês de julho, o país registrou um estoque de 42,2 milhões de empregos formais. Os dados apresentados pelo Ministério do Trabalho mostram que esse valor é o recorde da série histórica do Novo Caged.

"O setor do foodservice é um dos que cresceu de maneira sustentável nas últimas décadas, mesmo durante crises. Em 2022, observamos um aumento de mais de 1.000% no volume de vagas disponibilizadas dentro da plataforma da Worc e impactamos mais de 300.000 famílias. Este número tende a triplicar durante o segundo semestre e a proximidade das festas de fim de ano", completa o empresário Alex Apter.

Para ter acesso às vagas na plataforma da Worc basta se cadastrar em app.worc.com.br/cadastro-do-candidato#imprensa e se candidatar nas inúmeras vagas abertas. Os principais cargos são para cozinheiro, bartender, garçom, atendente de salão e sushiman.

Sobre a Worc

Somos uma scale-up de empregabilidade que atua principalmente na área do foodservice criando conexão entre pessoas que querem trabalhar com estabelecimentos que desejam contratar.

De um lado atuamos como uma solução 360º para o RH de pequenas, médias e grandes empresas do foodservice, oferecendo soluções de atração, admissão, gestão, educação e ambientação dos profissionais. E do outro, conectamos pessoas a oportunidades de trabalho de maneira ágil e totalmente gratuita.

Mais informações: https://worc.com.br/home

 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Ab Noticias  News Publicidade 1200x90
Mande sua denuncia, vídeo, foto
Atendimento
Mande sua denuncia, vídeo, foto, pra registrar sua denuncia