15/10/2022 às 10h17min - Atualizada em 15/10/2022 às 10h17min

Presidente da Saltur fala de novos espaços do carnaval e do circuito Campo Grande: ‘Ajudaria se blocos voltassem’

Segundo ele, com a saída dos blocos, o que faz com que o circuito ainda exista são os investimentos públicos

AB Notícias News
iBahia
Bianca Andrade

O presidente da Saltur, Isaac Edington, afirmou que o Circuito Osmar (Campo Grande), do carnaval de Salvador, só se mantém graças ao poder público. Segundo ele, as pessoas cobram uma revitalização do percusso, mas que com a saída dos blocos, o que faz com que o circuito ainda exista são os investimentos públicos.

 

“A gente contrata artistas, entidades, para continuarem desfilando. Se a gente não fizesse isso, provavelmente ele desapareceria. Ajudaria se os blocos que desceram organicamente para o Circuito Barra-Ondina lançassem novos produtos. A gente tem poucos blocos estruturados no circuito, sentimos falta dos blocos. Então a gente gostaria, quem sabe, que neste carnaval os blocos retomassem os produtos lá [No Campo Grande]. Contribuíria bastante”, disse em entrevista ao iBahia durante a abertura da Expo Carnaval Brazil, no Centro de Convenções.

 

Os circuitos do carnaval de Salvador foram alvos de especulação durante o primeiro semestre deste ano. Especialmente o Circuito Dodô (Barra-Ondina). Isso porque o Conselho do Carnaval de Salvador (Comcar) propôs uma mudança do circuito para a Boca do Rio.

Além do Comcar, moradores, empresários e trabalhadores da região da Barra/Ondina fizeram campanha para a mudança do local do carnaval. Um abaixo-assinado foi feito, além do projeto oficial entregue à prefeitura de Salvador.

 

No dia 18 de agosto, o prefeito Bruno Reis confirmou que, pelo menos em 2023, o carnaval seguiria tendo a orla da Barra e da Ondina como palco. “Ao conversar com nossa equipe ontem da magnitude do projeto, a da análise que precisa ser feita. Não há como dar uma posição, se é viável e preenche e dá para naquele local. Colocar todos os serviços, de saúde, de segurança, das estruturas que são montadas pela Saltur, sem uma análise mais profunda. Por mais que nós corremos. Não tinha como dar uma posição com segurança com menos um mês”, justificou à época.

Novos espaços
Isaac Edington disse ainda que a Saltur e a prefeitura avaliam utilizar outros espaços da cidade para receber eventos durante o carnaval. Além dos Circuitos Dodô, Osmar e Batatinha (Centro Histórico), Salvador também tem evento nos carnavais dos bairros.

“Todo ano a gente sempre procura melhorar, trazer novidade, dar espaço a nova geração que tem surgido. A gente tem espaço na cidade que provavelmente vão ser ativados, como Rio Vermelho, como ao lado da praça Castro Alves. Quem sabe fazer algo no Parque dos Ventos, que é uma área bastante interessante”, analisou.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Mande sua denuncia, vídeo, foto
Atendimento
Mande sua denuncia, vídeo, foto, pra registrar sua denuncia