14/10/2022 às 15h35min - Atualizada em 15/10/2022 às 00h01min

Lançamento da Realejo Editora, ‘Pernil e Umas Noites - Receitas Crônicas’, combina o sabor das histórias e ingredientes de Júlio Bernardo

Obra já está disponível para venda em todo Brasil pelo site www.oseulivreiro.com.br

SALA DA NOTÍCIA LN Textos
Divulgação

Ingredientes, personagens e boas histórias se completam nas mais de 260 páginas de “Pernil e Umas Noites – Receitas Crônicas”, novo livro de Júlio Bernardo (@botecodojb), publicado pela Realejo Editora e já disponível para venda em todo Brasil pelo site www.oseulivreiro.com.br

Em sua quinta incursão literária, Júlio – também conhecido como Julinho, ou JB – recorre a uma linguagem descomplicada e aporções generosas de sarcasmo para resgatar parte da variedade, da ousadia e dos sabores da nossa culinária.

A obra é dedicada à escritora mineira Nina Horta (1939-2019), sua principal referência entre os cronistas da culinária brasileira; e celebra os encontros em que puderam compartilhar experiências e alguns Martinis, preparados pelo próprio autor. “É uma homenagem a maior de todas”, diz.

As receitas crônicas de Júlio Bernardo surgem, portanto, como um contraponto à padronização e à mesmice que hoje prevalecem na maioria dos bares e restaurantes do país. E também nos lares,especialmente após a pandemia, que nos tornou mais solitários e dependentes do delivery.


Um caderno de receitas

“Fique à vontade para rabiscar e adaptar tudo ao seu gosto, pois minha ideia de um caderno de receitas é a de que ele seja vivo e siga em constante evolução. Pode ser que o resultado, de vez em quando se apresente tão imperfeito quanto a vida, mas outras tantas vezes talvez dê aquele bom, bonito de ver e melhor ainda de comer”, avisa Julinho, logo no início da leitura.

O método recomendado pelo autor, inclusive, se faz presente a cada página. Enquanto apresenta versões para pratos ora populares, ora sofisticados – da iguaria que dá título à obra ao ceviche, do bolovo ao arroz com pato, do frango com quiabo ao tiramisù e ao pudim de pinga, entre outros – o autor resgata as memórias afetivas que maturaram seus pratos. Referências e temperos familiares, saborosos encontros com velhos amigos e improvisos em situações inusitadas estão entre elas.

“Aprendemos com Júlio que comida é muito mais que o resultado de uma técnica que mede ingredientes até virarem um prato (...) Comida é, acima de tudo, memória, fracasso, história, relação, risada, tristeza e vitória”, resume a editora e livreira Ana Lima Cecílio, que destaca o estilo “texto-mosaico” do autor como uma das peculiaridades do livro.

Já o autor do prefácio, o jornalista e radialista Paulo Cesar Martin, sugere que “Pernil e Umas Noites – Receitas Crônicas” seja guardado em uma cápsula, para que as próximas gerações possam recuperá-lo: “Este será provavelmente um dos poucos registros do Brasil como conhecemos hoje (...) Cozinha-se pouco e com uma variedade pobre (...), mas existem as resistências teimosas. Julinho é nosso representante maior nessa missão de não deixar morrer nossos sabores”¸ conclui.
 

Sobre Júlio Bernardo

Nascido em 1973, em São Paulo (SP), Júlio Bernardo foi feirante como o pai – e também camelô, DJ e dono de restaurante. Hoje é cozinheiro, escritor e cronista. Tem quatro livros lançados: “Dias de Feira”, “Edifício Tristeza”, “De Hoje Não Passa” (com Eduardo Goldenberg) e “A Mão Que Balança o Copo”.

 

Sobre a Realejo Editora

Nascida em Santos (SP), das experiências do livreiro José Luiz Tahan no encontro com leitores em um balcão de livraria de rua (hábito que cultiva até hoje), a Realejo Editora construiu seu catálogo a partir de obras que dialogam com as referências locais e a identidade nacional. 

Entre as obras que marcam sua história estão “Viver Sua Música”, autobiografia do músico santista Gilberto Mendes e “Realidade re-vista”, dos jornalistas José Carlos Marão e José Hamilton Ribeiro – ambos finalistas do Prêmio Jabuti; a reedição ampliada de “Música Caipira”, também de Hamilton Ribeiro; “São Marcos de Palestra Itália”, de Celso de Campos Jr.; e “Circo Panapaná”, do santista Paulo Mauá, com ilustrações da estoniana Roberta Laas.

Já a lista de autores internacionais publicados inclui o romancista mexicano Juan Pablo Villalobos (“No Estilo de Jalisco”), o português Gonçalo Tavares (“Os Sapatos – Histórias do Sr. Valery), o novelista argentino Carlos Maria Dominguez (“A Casa de Papel”), o jornalista inglês Brian Winter (“Pelé, a Importância do Futebol”) e o quadrinista espanhol Miguelanxo Prado (“Ardalén”).

 

Ficha Técnica:

‘Pernil e Umas Noites’ | Realejo Editora (@realejolivros)

Autor: Júlio Bernardo | Editor: José Luiz Tahan | Preparação de originais: Ana Lima Cecílio

Projeto Gráfico: Alexandre Boechat | Revisão: Rodrigo Macedo | Ilustrações: Binho Miranda

Páginas: 268 Preço: R$ 69,90 | Venda em: www.oseulivreiro.com.br 
ISBN 978-85-9588-043-6


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Ab Noticias  News Publicidade 1200x90
Mande sua denuncia, vídeo, foto
Atendimento
Mande sua denuncia, vídeo, foto, pra registrar sua denuncia