13/10/2022 às 18h47min - Atualizada em 14/10/2022 às 00h53min

Pessoas de 36 a 50 anos são os principais alvos dos golpistas, aponta Serasa Experian

Brasileiros sofrem uma tentativa de fraude a cada 8 segundos

SALA DA NOTÍCIA Serasa Experian
www.serasaexperian.com.br
Divulgação
O indicador de tentativas de fraude da Serasa Experian revela informações importantes sobre o perfil que é o maior alvo dos golpistas. De acordo com o estudo, no mês de julho, o público de 36 a 50 anos foi o principal foco dos fraudadores com 35,9% das tentativas. Em segundo lugar, está o público de 26 a 35 anos, onde foram registradas 27,5% das ocorrências. O grupo de pessoas de 51 a 60 anos foi alvo de 14% das investidas, seguido por pessoas de até 25 anos, com 11,6% e, por fim, o grupo acima dos 60, com 11% dos casos. O estudo analisa números de utilização indevida de identidade, como abertura de contas e até mesmo emissão de cartões. No gráfico abaixo veja a evolução do indicador nos últimos 12 meses.  



Os brasileiros foram alvo de 335.040 tentativas de fraude apenas em julho. O número representa uma tentativa a cada 8 segundos. O principal alvo dos criminosos foi o segmento de Bancos e Cartões, com 199.276 ações dos golpistas. Em segundo lugar, estão as Financeiras, com 56.677 tentativas, seguido pelo segmento de serviços, com 40.151. Varejo aparece em quarto lugar, com 28.875 pessoas que foram alvo e Telefonia em último lugar, com 10.060.  

As pessoas precisam ficar atentas em relação ao compartilhamento de dados, alerta o Diretor de Soluções de Autenticação e Prevenção à Fraude da Serasa Experian, Caio Rocha. “Os números do indicador mostram que os golpistas estão sempre desenvolvendo maneiras de fraudar, mas existem muitas ferramentas que podem ser utilizadas para barrar a ação dos criminosos e, que se combinadas aos cuidados básicos, tornam as transações mais seguras".

O recorte por regiões mostra que o Sudeste foi a região que mais apresentou tentativas de fraude, com 52,2%. Em segundo lugar está o Nordeste, com 17,4% das tentativas. Em seguida está o Sul, com 15,5%. O Centro-Oeste aparece na quarta posição, com 8,9% dos casos e, por último está o Norte, com apenas 6% das tentativas.

Para conferir mais informações e a série histórica do indicador, clique aqui


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Mande sua denuncia, vídeo, foto
Atendimento
Mande sua denuncia, vídeo, foto, pra registrar sua denuncia