29/09/2022 às 12h40min - Atualizada em 29/09/2022 às 22h27min

Leite, óleo e feijão têm retração nos preços no mês de agosto, segundo Radar Scanntech

Os preços do leite (-10%), óleo (-8%) e feijão (-6%) retraíram em agosto comparado ao mês de julho

SALA DA NOTÍCIA Gabriel Vieira de Godois

Segundo o estudo mensal Radar Scanntech, agosto é o primeiro mês de retração nos preços nos supermercados e atacarejos no ano, puxado especialmente por mercearia básica e pela estabilidade de preços das demais cestas. Os preços do leite (-10%), óleo (-8%) e feijão (-6%) retraíram em agosto comparado ao mês de julho.  

Apesar das principais categorias terem apresentado aumentos de preços em relação a agosto de 2021 acima da média do Year to Date (YTD), no curto prazo (agosto de 2022 X julho de 2022) foi possível perceber que alguns itens da cesta registraram desaceleração dos aumentos de preços que vinham sendo praticados ou até mesmo apresentaram redução de preços, a exemplo do leite, café e óleo. 

“Leite, óleo e feijão cujos preços não cansam de ser mencionados nas rodas de conversa por suas altas históricas, dão uma trégua no bolso do consumidor. No geral, apesar de agosto ter repasses de preços acima da média do acumulado no ano até agosto, ele entrega a primeira retração relacionado ao mês anterior. Também foi um mês de menor repasse de preços desde abril, quando comparamos com agosto de 2021”, explica Priscila Ariani, diretora de Marketing da Scanntech. 



O estudo também revela que biscoito, chocolate e petiscos snacks tiveram um aumento nas unidades e no valor das vendas em agosto de 2022. Por outro lado, cervejas, gin, whisky e água de coco foram na contramão, com  contribuições negativas para o segmento. 



Para acessar a análise completa do Radar Scanntech de agosto 2022, clique aqui.  


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Ab Noticias  News Publicidade 1200x90
Mande sua denuncia, vídeo, foto
Atendimento
Mande sua denuncia, vídeo, foto, pra registrar sua denuncia