28/09/2022 às 18h40min - Atualizada em 28/09/2022 às 18h40min

Moraes manda apurar vazamento de investigação contra assessor de Bolsonaro

Ministro do STF ordenou que delegado responsável pelo caso encaminhe os nomes dos agentes que tiveram acesso às informações sobre a investigação

AB Notícias News
Correio Braziliense
MAURO PIMENTEL
O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes determinou apurações sobre o vazamento de informações no inquérito que quebrou do sigilo bancário do principal ajudante de ordens do presidente Jair Bolsonaro (PL), o tenente-coronel Mauro Cesar Barbosa Cid. Em decisão publicada, o magistrado mandou que o delegado responsável pelo caso encaminhe os nomes de todos os agentes que tiveram conhecimento da investigação.

“Expedição de ofício ao Delegado de Polícia Federal FÁBIO ALVAREZ SHOR, autoridade policial designada para atuação, para que preste as informações pertinentes acerca dos fatos noticiados, notadamente no que diz respeito ao acesso, no âmbito policial, às decisões proferidas nos autos da referida Pet e aos relatórios produzidos nos autos, bem como forneça os nomes de todos os policiais federais que têm conhecimento dos assuntos investigados na Pet mencionada”, escreveu Moraes.

O procedimento sobre o vazamento será conduzido pelo juiz Airton Vieira, do gabinete de Alexandre de Moraes. A determinação foi protocolada terça-feira (27/9), dia seguinte da reportagem do jornal Folha de S.Paulo revelar que mensagens encontradas pela PF no celular de Mauro Cid levantaram suspeitas sobre as movimentações financeiras da família do presidente, principalmente a primeira-dama, Michelle Bolsonaro.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Ab Noticias  News Publicidade 1200x90
Mande sua denuncia, vídeo, foto
Atendimento
Mande sua denuncia, vídeo, foto, pra registrar sua denuncia