12/01/2022 às 17h39min - Atualizada em 12/01/2022 às 17h38min

O que acontece se eu baixar o WhatsApp GB ou outro aplicativo não oficial?

AB Notícia news
O aplicativo de mensagens instantâneas WhatsApp tem uma série de aplicações não oficiais que são bastante perigosas e poucas pessoas sabem disso.
WhatsApp Plus e GBWhatsApp têm características que a versão original ainda não tem, como a capacidade de visualizar mensagens eliminadas e salvar os status de seus amigos. Mas eles não são tão úteis quanto parecem.

As versões alteradas (MODS) não estão disponíveis em lojas oficiais, como a Play Store ou App Store. O arquivo APK destes aplicativos é frequentemente publicado em sites de download não confiáveis que podem resultar em vírus para seu smartphone ou para roubar informações pessoais.

Além disso, eles não possuem criptografia de ponta a ponta e atualizações, de modo que suas conversas privadas são vulneráveis e podem ser vistas por um terceiro

O que acontece se eu baixar o WhatsApp GB ou outro aplicativo não oficial?

A empresa Meta (ex-Facebook) “pune” os usuários que utilizam versões não-oficiais de seu aplicativo de mensagens instantâneas. Em seu blog oficial, a empresa afirma que o uso do MODS é uma violação de suas regras que é punível, dependendo da severidade.

Caso descubram que você está usando uma versão não oficial, suspenderão sua conta temporariamente (24 horas). Isto significa que você não poderá conversar com seus contatos por um dia inteiro. Se após a proibição você continuar a usar o mod, a punição será permanente e você perderá sua conta para sempre.

"Aplicativos não suportados ou aplicativos que afirmam ser capazes de mover seus chats de um telefone para outro são versões alteradas do WhatsApp. Estas aplicações não oficiais são desenvolvidas por terceiros e violam nossos termos de serviço. O WhatsApp não endossa o uso desses aplicativos de terceiros porque não é possível validar suas práticas de segurança", disse a empresa.
Link
Lucas Widmar Pelisari

Lucas Widmar Pelisari

Músico, escritor, formado em investigação forense e perícia criminal

Leia Também »
Comentários »